Nossa garota

Nossa garota

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Dormir com o seu cão aumenta as chances de contrair doenças

O contato com animais de estimação, geralmente, ajuda em recuperações física e mental de um doente, afirmam os pesquisadores. Mas dormir com os pets já é outra história, diz um estudo da Escola de Medicina Veterinária da Universidade da Califórnia, em Davis, nos Estados Unidos.
Segundo os cientistas Bruno Chomel e Ben Sun, dormir com seu cão pode aumentar as chances de contrair doenças. “Nós queríamos chamar a atenção das pessoas, porque dormir com um animal de estimação está se tornando cada vez mais comum e há riscos associados a isso, mesmo que não seja um hábito muito frequente”, diz Chomel ao site AOL News.
Os estudiosos dizem que o problema pode ser ainda mais grave quando a soneca do bichinho é com crianças ou pessoas com imunodeficiência. “O risco de transmissão de zoonozes (doenças de animais transmissíveis ao homem) pelo contato próximo entre animais de estimação e seus donos como partilhar a mesma cama, beijar ou lamber é real e foi documentado. Existe o risco de infecções potencialmente fatais e outras doenças graves como o alojamento de parasitas”, explica Chomel.
A pesquisa garante que a maioria dos cães pequenos, 41% de tamanho médio e um a cada três grandes, dormem com seus donos. Chomel diz, ainda, que não só os cães podem causar malefícios à saúde, mas também os gatos transmitem doenças. O estudo mostra que muitas vezes as doenças transmitidas pelos felinos é mais grave que dos cachorros.
A contaminação pode acontecer quando a pessoa é arranhada pelo animal, o que pode causar infecção. E, também, por meio de parasitas encontrados no pelo do animal como pulgas, por exemplo. “Os bichos passeiam por áreas que, aparentemente, são limpas, mas muitas vezes estão infestadas de elementos nocivos aos seres humanos”, afirma o especialista.
Beijar os pets também pode ser um meio de transmissão. De acordo com o estudo, uma mulher japonesa contraiu meningite após beijar a cabeça de um cachorro. Há informações ainda que apontam a morte de uma mulher que dormia com seu gato e lambeu feridas do pé da dona.
Os cientistas dizem que atitudes podem ser tomadas para evitar que as doenças transmitidas por animaissejam contraídas.

 Confira algumas dicas:


- Pessoas, especialmente crianças pequenas ou com imunodeficiência, não devem compartilhar a cama com bichos de estimação


- Qualquer área lambida por um animal de estimação, especialmente um ferimento aberto, deve ser imediatamente lavada com água e sabão.


- Animais de estimação devem estar sempre livres de parasitas, especialmente pulgas e devem ser frequentemente tratados com vermífugos, além de examinados por um veterinário.

Fonte de pesquisa    Via Planeta Bicho  Link - Dormir com o seu cão aumenta as chances de contrair doenças

Nenhum comentário: